Secretaria de Segurança Pública de Rio das Ostras-RJ Promoveu o Evento “Anjos da Guarda” para Conscientização do Dia Mundial do Autista.

0
379
"Anjos da Guarda" Dia Mundial da Consciência do Autista-Foto De Olho em Rio das Ostras-RJ

Nesta terça feira, 02 de abril a Secretaria de Segurança Pública de Rio das Ostras com o apoio da Prefeitura Municipal organizou os “Anjos da Guarda” um evento inclusivo com o objetivo de chamar cada vez mais a atenção para a conscientização do Autismo (Transtorno de Espectro Autista), como aconteceram diversos nesta data em todo mundo.

Secretaria de Segurança de Rio das Ostras-RJ-Foto: De Olho em Rio das Ostras-RJ

A ação que foi realizada no Pátio da Secretaria onde foi servido um café muito bem servido para todos os presentes, contou com a presença do Secretário de Segurança Pública de Rio das Ostras Paulo Carvalho “Carvalhão”, o Comandante do Batalhão da Polícia Militar do município Tenente Veiga, Membros da Equipe da “Patrulha da Guarda Maria da Penha”, representantes da sociedade organizada, familiares de crianças autistas e contou também com a preciosa parceria de profissionais de instituições que trabalham com crianças com o transtorno que destacaram e executaram atividades diversas que contribuem para um melhor relacionamento das crianças  como atividades entre elas: Oficinas sensoriais que envolvem animais como cachorros, cavalos; Interação social e a musicoterapia que tem grande influência no comportamento e causa-lhes uma sensação de bem estar.

Carvalhão-Secretário de Segurança de Rio das Ostras-RJ-Foto:De Olho em Rio das Ostras-RJ

Segundo disse o Secretário “Carvalhão” em seu discurso: “Um evento como esse que contribui para que as pessoas entendam cada vez mais as dificuldades dessas famílias que tem filhos com a síndrome terão sempre lugar durante a sua gestão à frente a secretaria de segurança” destacou o Secretário.

De Olho em Rio das Ostras procurou alguns profissionais para saber mais sobre as atividades aplicadas no trabalho com os autistas.

Estela Cátia-Musicoterapeuta-De Olho em Rio das Ostras-RJ

A musicoterapeuta Estela Cátia explica o seu trabalho:

A Dra. Laira Borges fala do seu trabalho com autistas onde utiliza o trabalho do adestrador de cães Fábio Bernardo para facilitar e dá mais garantia a  interação do autista com o animal.

Dra. Laira Borges-De Olho em Rio das Ostras-RJ

Ela é diretora clínica da Casa Ludic que auxilia crianças e adultos com dificuldades relacionadas e de desenvolvimento a atingirem seu potencial cognitivo, respeitando a sua individualidade e promovendo sua libertação:

A terapeuta e equoterapeuta Dra. Sandra Vellasco fala do seu trabalho de socialização com cavalos para ajudar ao autista a interagir mais com o animal.

Sandra Vellasco-De Olho em Rio das Ostras-RJ

Segundo a doutora Sandra Vellasco a técnica tem como objetivo proporcionar ao portador de necessidades especiais o desenvolvimento de suas potencialidades respeitando os seus limites:

Secretário Carvalhão-De Olho em Rio das Ostras-RJ

O secretário de segurança pública de Rio das Ostras “Carvalhão” falou do compromisso de realizar outros eventos com tema “Anjos da Guarda” visando proporcionar um entrosamento cada vez maior  entre crianças, pais e profissionais dispostos a contribuir na socialização desses portadores de Autismo (Transtorno de Espectro Autista):

DATA –  O Dia Mundial de Conscientização do Autismo foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 18 de Dezembro de 2007, com o intuito de alertar a sociedade e governantes sobre este transtorno, ajudando a derrubar preconceitos, conscientizando, informando e ajudando as pessoas  a lidar com o transtorno.  O Transtorno de Espectro Autista (TEA) pertence a um grupo de doenças do desenvolvimento cerebral. Rio das Ostras conta com 183 alunos matriculados em sua Rede de ensino Municipal com o TEA.

                                      Sou autista!

Minha audição é muito mais sensível.

Fale devagar, espere eu processar a pergunta para te responder.

Não grite, eu escuto muito mais que você.

Eu, muitas vezes, não consigo iniciar um diálogo, mas queria muito conversar com você e ter sua amizade.

Eu faço a mesma pergunta várias vezes, mas para mim é apenas uma forma de te manter comigo naquilo que me interessa.

Muitas vezes o abraço me incomoda, mas eu gosto de carinho, difícil entender não é?

As vezes , choro, rio, faço movimentos estranhos, falo sozinho, mas isso faz parte de mim, não vou fazer nada de mal para você.

Não quero ser visto como anjo, místico, de outro mundo, dotado de altas habilidades, quero ser visto como um ser humano apenas.

Tenho medos de coisas que normalmente as pessoas não tem, me ajude a enfrentar.

Não fale mal de mim ou ria de mim achando que não estou vendo ou ouvindo, estou sim, só não consigo me defender.

Tenho algumas dificuldades corporais, uma coordenação motora diferente, apenas compreenda que sou assim, isso não vai atrapalhar sua vida.

Não me passe muitas informações e pedidos aos mesmo tempo, tenha calma que aos poucos eu compreendo o que vc me pede.

Eu tenho minhas manias, mudar minha rotina me incomoda, isso também faz parte de mim, tente me avisar com antecedência que algo programado vai mudar, isso me acalma.

Eu não vivo em meu próprio mundo, eu vivo no mesmo mundo que você, é que muitas vezes esse mundo é tão difícil pra mim, me ajude a enfrentar tudo isso, eu sei que consigo.

Dia 2 De Abril
DIA Mundial de CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE O AUTISMO.

 

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA