O Ex Secretário de Saúde Municipal de Rio das Ostras Marcelino Borba diz Adeus ao Sonho de Transformar a Saúde do Município em 120 Dias!

1
3327
Ex Secretário de Saúde de Rio das Ostras-RJ Marcelino Borba-Foto:De Olho em Rio das Ostras-RJ

Com apenas quarenta e cinco dias no comando da Secretaria Municipal de Saúde, o Vereador mais votado de Rio das Ostras Marcelino Borba pediu desligamento da função nesta quarta feira, dia 15 de fevereiro  e agora só está aguardando a exoneração oficial pelo prefeito Carlos Augusto Balthazar que se encontrava na capital paulista participando de um congresso para retomar ao seu posto de vereador em seu segundo mandato na câmara municipal  já que considera o seu pedido em caráter irrevogável.

Ultimamente o site De Olho em Rio das Ostras-RJ  vinha dando um destaque na saúde da cidade devido a situação que se encontrava num estado de muita gravidade e com a chegada a pasta do secretário Marcelino Borba fomos recebidos por duas ocasiões em que ele com muito entusiasmo que nos contagiou com sua vontade de tirar da UTI  a saúde do município em cento e vinte dias.

Na quarta feira por volta de 22 horas após ouvirmos rumores preferimos conversar por telefone e conferir com o próprio Marcelino da Farmácia como é mais conhecido sobre a verdade do seu desligamento em tão pouco tempo, o que ele confirmou e segundo ele a gota d’água foi a greve iniciada por funcionários da Empresa Mississípi prestadora de serviços de limpeza nos principais órgãos de saúde de Rio das Ostras como: Hospital municipal, Pronto Socorro e os postos de saúde alegando falta de pagamento de salários em atraso e que segundo o ex Secretário declarou  ele se sentira impotente diante de tal episódio o que o levou a interromper um sonho de mudança que em pouco tempo a população já vinha sentindo que algo de novo acontecia na saúde de Rio das Ostras-RJ.

Vereador Marcelino Borba, ex secretário de saúde de Rio das Ostras.
Vereador Marcelino Borba, ex secretário de saúde de Rio das Ostras.

Marcelino Borba agora Ex Secretário de saúde de Rio das Ostras disse ainda que uma das coisas que destacou em sua carta de demissão é que lamenta que o  avanço sonhado para resolver os problemas da saúde de Rio das Ostras parece estar muito distante, embora tenha se dedicado para alcançá-lo. Ele disse que não vê condições de ultrapassar os obstáculos encontrados. Ainda explica que as conquistas na administração pública dependem de esforços, de compatibilidade de ideias e objetivos.

Em nota, a prefeitura informou que o pagamento do mês de janeiro à empresa já está sendo providenciado. Quanto ao débito deixado pela gestão anterior, este será pago após a conclusão da auditoria do contrato e dos valores devidos.

1 COMENTÁRIO

  1. Boa noite fiquei muito triste com a saída do nosso secretário de saúde Marcelino Borba infelizmente outro igual a ele vai ser difícil novamente quem sofre e o pivô mas tudo bem como vereador ele também é maravilhoso e muito atuante felicidades nisso secretário Marcelino que Deus te abençoe sempre Eunice

DEIXE UMA RESPOSTA